Linguagem Jurídica
11.5.05
 
Sujeito.
Sujeito é a pessoa ou a coisa sobre a qual se faz um declaração. Pode ser um substantivo (em regra), um pronome, uma palavra substantivada (“Assaz é advérbio”), uma frase de sentido incompleto (“Trabalho e honra deve ser o nosso lema”) ou uma oração (“É bom que ele vá ao Rio”).Para descobrir quem é o sujeito, basta que se pergunte quem praticou a ação descrita no verbo. Exemplos:

Sócrates discorreu sobre a alma.
Quem discorreu sobre a alma?

Ao professor e ao pai do menino chegaram reclamações dos colegas.
Que chegou ao professor e ao pai do menino?


O sujeito pode ser:

- simples: quando representado por um só nome, no singular ou no plural. Tem apenas um núcleo. (“O livro é bom”. “Os livros são bons.”);
- composto: quando representado por entes diversos, ou por mais de uma palavra. Tem mais de um núcleo. (“O livro e o caderno são bons);
- indeterminado: quando não é possível identificá-lo. É o que acontece com os verbos (a) impessoalizados na 3a pessoa do plural, na voz ativa (“Dizem que ele vem.”) e (b) impessoalizados na passiva (“Procura-se advogado” e “Assim se vai ao céu”).

Também há gramáticas que mencionam os sujeitos agente, paciente e oculto.
O agente é o que pratica a ação verbal (voz ativa): “O sol ilumina a terra”.
O paciente é o que sofre a ação verbal (voz passiva): “A terra é iluminada pelo sol”.
O oculto é o facilmente subentendido: “Precisamos correr”.

Existem, ainda, orações sem sujeito. Não existe o sujeito em orações:

- em que o verbo é impessoal essencial (os que indicam fenômenos de natureza inorgânica, ou meteorológicos: anoitecer, chover, trovejar. Esses verbos, salvo licença poética, só se conjugam na terceira pessoa). Ex.: “Ontem trovejou”;

- em que o verbo haver é utilizado como impessoal. Ex.: “Há mulheres na sala”;

- em que o verbo fazer é utilizado como impessoal.
“Faz dois dias que comprei esta camisa”;

- em que o verbo ser é utilizado como impessoal.
“Era a hora do encerramento do expediente”;

- em que o verbo estar é utilizado como impessoal.
“Está tarde”.
Comments: Postar um comentário

<< Home

Powered by Blogger